PSICÓLOGO ESPECIALISTA EM PSICOLOGIA ESCOLAR/EDUCACIONAL, segundo o CFP

Fonte: http://www.pol.org.br/pol/export/sites/default/pol/legislacao/legislacaoDocumentos/resolucao2007_13.pdf

RESOLUÇÃO CFP N.º 013/2007
Institui a Consolidação das Resoluções
relativas ao Título Profissional de Especialista
em Psicologia e dispõe sobre normas e
procedimentos para seu registro.

I – Psicólogo especialista em Psicologia Escolar/Educacional
Atua no âmbito da educação formal realizando pesquisas, diagnóstico e intervenção preventiva ou
corretiva em grupo e individualmente. Envolve, em sua análise e intervenção, todos os segmentos
do sistema educacional que participam do processo de ensino- aprendizagem. Nessa tarefa,
considera as características do corpo docente, do currículo, das normas da instituição, do material
didático, do corpo discente e demais elementos do sistema. Em conjunto com a equipe, colabora
com o corpo docente e técnico na elaboração, implantação, avaliação e reformulação de currículos,
de projetos pedagógicos, de políticas educacionais e no desenvolvimento de novos procedimentos
educacionais. No âmbito administrativo, contribui na análise e intervenção no clima educacional,
buscando melhor funcionamento do sistema que resultará na realização dos objetivos educacionais.
Participa de programas de orientação profissional com a finalidade de contribuir no processo de
escolha da profissão e em questões referentes à adaptação do indivíduo ao trabalho. Analisa as
características do indivíduo portador de necessidades especiais para orientar a aplicação de
programas especiais de ensino. Realiza seu trabalho em equipe interdisciplinar, integrando seus
conhecimentos àqueles dos demais profissionais da educação. Para isso realiza tarefas como, por
exemplo: a) aplicar conhecimentos psicológicos na escola, concernentes ao processo ensinoaprendizagem, em análises e intervenções psicopedagógicas; referentes ao desenvolvimento
humano, às relações interpessoais e à integração família-comunidade-escola, para promover o
desenvolvimento integral do ser; b) analisar as relações entre os diversos segmentos do sistema de
ensino e sua repercussão no processo de ensino para auxiliar na elaboração de procedimentos
educacionais capazes de atender às necessidades individuais; c) prestar serviços diretos e indiretos
aos agentes educacionais, como profissional autônomo, orientando programas de apoio
administrativo e educacional; d) desenvolver estudos e analisar as relações homem-ambiente físico,
material, social e cultural quanto ao processo ensino-aprendizagem e produtividade educacional; e)
desenvolver programas visando a qualidade de vida e cuidados indispensáveis às atividades
acadêmicas; f) implementar programas para desenvolver habilidades básicas para aquisição de
conhecimento e o desenvolvimento humano; g) validar e utilizar instrumentos e testes psicológicos
adequados e fidedignos para fornecer subsídios para o replanejamento e formulação do plano
escolar, ajustes e orientações à equipe escolar e avaliação da eficiência dos programas educacionais;
h) pesquisar dados sobre a realidade da escola em seus múltiplos aspectos, visando desenvolver o
conhecimento científico.

Deixe um comentário

Arquivado em Sem categoria

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s